quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Trilha de Comer, rezar e amar e bullying em Flight Attendant (Josh Rouse)

Eu tinha lido metade do livro, Comer, rezar e amar, de Elizabeth Gilbert. Na época da leitura, considerei mais um daqueles livros de crise pós-divórcio, pós-trauma, pós-constatação-de-que-tudo-aquilo-pelo-que-você-lutou-era-só-isso, enfim, pós-alguma coisa.

Essa visão hollywoodiana de mexer, remexer, buscar, fazer acontecer, me cansa um pouco porque, ao contrário dos protagonistas que sempre sorriem satisfação ao final disso tudo, eu não sei se é possível chegar a um ponto em que você diz ''agora, sim, que virei minha vida de ponta cabeça, sinto-me verdadeiramente feliz". Acho que sou feliz sem precisar jogar tudo para cima. Oras, não quero pensar muito sobre isso agora também, até porque não posso pegar o primeiro avião e sair por aí (infelizmente).

Pelo que lembro do livro, a adaptação para o cinema não deixou claro que ela bancou estas viagens (de 3 meses em cada país, totalizando 9 meses solta no mundo) com o compromisso de escrever um livro dessa experiência. Então, dá a impressão que ela perdeu tudo no processo de divórcio e que o dinheiro brotou após isso.  
Não esperava muito do filme, mas até que se revelou bem interessante. (Apesar da ausência de dinheiro para explicar toda a movimentação).

Da trilha sonora do filme,  que conta com músicas suaves e bem relaxantes, agradou-me especialmente a música chamada Flight Attendant/Comissário de Bordo, bem gostosinha.  

Além de remeter ao bullying na infância, tema que não suspeitamos antes de ver a letra, releva aquele sentimento estranho de abandono, invisibilidade, que todo mundo acaba sentindo alguma vez na vida, ou pelo menos na adolescência, e que na letra se estende até a fase adulta. De criança que sofria bullying a comissário de vôo invisível, imperceptível aos olhos de quem ele atende.  
Apesar de a melodia agrável esconder o tema triste, recomendo para relaxar e se deixar levar.  
Flight Attendant (Josh Rouse)



video

When I was
A little baby
A mama's boy
No one could save me
From those kids at school

They would bully
They would tease
They would taunt me
Haunt me

'You're such a pretty boy'
'You're such a pretty boy'
'You're such a pretty boy'
'You're such a pretty boy'

Fear
I grew up so scared
The bible belt
Redneck lifestyle
One day I'll fly free

In the airplane
'Where's my seat?
Where's my champagne?'
Champagne

I'm such a pretty boy
I'm such a pretty boy
I'm such a pretty boy
I'm such a pretty boy

Heaven knows the lengths I go to please them every day
They dont even notice when I'm
Down

Such a pretty boy
Such a pretty boy
Such a pretty boy
Such a pretty boy

Hotels were closed
And the airport was clean
I was stranded alone
In my southwest dream

Hotels were closed
And the airport was clean
I was stranded alone
In my southwest dream

Comissário de Bordo


Quando eu era,
Um pequeno bebe
Um filhinho de mamãe
Ninguém podia me salvar
Dessas crianças na escola.

Elas me ameaçavam
Elas implicavam comigo
Elas zombavam de mim
Me assombravam.

"Você é um lindo garoto"
"Você é um lindo garoto"
"Você é um lindo garoto"
"Você é um lindo garoto"

Medo.
Eu cresci assustado
A biblia se prende
Estilo de vida Redneck
Algum dia serei livre.

No avião
"Cadê meu banco?"

"Cadê meu champagne?"
Champage

Eu sou um menino lindo
Eu sou um menino lindo
Eu sou um menino lindo
Eu sou um menino lindo

O céu cobre os comprimentos
Que percorro todos dias
Eles não percebem
Quando eu estou triste.

Igual um lindo meninho
Igual um lindo meninho
Igual um lindo meninho
Igual um lindo meninho

Os hotéis estão fechados
E o aeroporto vazio
Eu estava naufragado sozinho
No meu distante sonho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário